Trivialidades 25

Lápis

Normalmente, utilizo uma lapiseira (porta-minas :-)) para escrever. Hoje voltei a agarrar um lápis e escrever com ele. Qualquer coisa acontece quando o faço: uma magia que só os lápis têm; não sei se a madeira que rodeia a grafite, se o toque; mas há qualquer coisa de muito genuíno em escrever com um lápis. Acaba sempre num sorriso.

Mas uma lapiseira é tão mais limpinha.

3 comentários:

daniel disse...

Mas é exactamente isso. A lapiseira é demasiado asséptica. Não borra. Um tipo nem suja as mãos por precisar de afiar.

carla disse...

:)
Para mim uma lapiseira será sempre um porta-minas. Já tinha saudades de 'ouvir' a palavra.
Beijinhos e boa estadia por aí!

F disse...

Admito que continuo a dizer porta-minas, mas para evitar problemas de entendimento... :-)

Obrigada! Beijinhos.